Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

PhotodoSantos

A morte é para onde vão as almas.

Tudo o resto pode ficar por cá: a voz, as palavras, a obra, até o cheiro. 
Mas é a alma, que não volta mais, que nos escapa sabemos lá até quando. 
Não sei, por isso, neste tempo, dedicar-me à evocação daquilo que o engenho permite reter. 
O inglório esforço de agarrar a alma ocupa-me a mente. 
Há tempo para o resto.
Adolfo Nunes

IMG_1436And2more_tonemapped-001.jpg